Fé no Futuro

Muitas pessoas vivem preocupadas se as coisas vão dar certo na vida. Mas, se analisarmos de acordo com a ordem da natureza, questionamos se realmente temos algum poder em fazer as coisas darem certo.

Por exemplo, uma pessoa consegue fazer uma árvore crescer? Nós não temos este poder. O que podemos fazer é criar as condições para que uma árvore cresça. Podemos plantar numa terra boa, regar, adubar, podar, carpir… Enfim, podemos colaborar com as condições necessárias para que a árvore cresça. Mas, no entanto, por mais que a árvore cresça bonita, imponente, todo o potencial já estava na semente. Nosso papel foi o de “dar uma força”, “dar um empurrão”, enfim, contribuir para que o potencial já existente na semente se desabrochasse.

Se, por exemplo, esta mesma semente fosse plantada na floresta amazônica a possibilidade desta árvore se desenvolver, mesmo sem nosso cuidado, seria grande porque esta é uma região onde se reúnem condições climáticas e solo favorável para que uma árvore cresça.

E nosso poder, como seres humanos, é igual ao da natureza, ou seja, podemos criar as condições. Mesmo que um terreno não tenha uma terra boa, podemos abrir um buraco grande o suficiente e trocar a terra daquele lugar, podemos “fazer chover” através da rega, enfim, podemos criar as condições.

Da mesma forma que a semente, nós também, como seres humanos, já carregamos todo o potencial das nossas possibilidades. Tudo o que podemos vir a ser já se encontra em nós, mas, temos que criar as condições para este potencial desabrochar.

Repare que não temos poder de manifestar uma semente. As sementes de alguma forma já existem. Nosso poder é de criar e não de inventar. Nós, seres humanos somos criadores, por exemplo, alguém inventou o gado e nós humanos podemos criar gado. Mas não podemos inventar um gado do nada. Alguém já inventou. Este nível de invento chama-se crear, com E. Nós podemos criar, com I. Alguém creou a galinha, nós somos criadores de galinhas.

Da mesma forma alguém, acredito particularmente em Deus, já nos creou. E agora cabe a nós criarmos nossa vida.

Albert Einstein disse: “A condição é do homem, mas a causa é do cosmos”. Cosmos é o oposto de caos. Cosmos é uma palavra grega que significa harmonia.

Muitas pessoas se preocupam com os resultados, com as oportunidades, mas repare, isso é causa e a causa é do cosmos, ou seja, da harmonia que equilibra tudo por aqui. Não temos poder sobre a causa, não podemos fazer uma árvore crescer, mas temos total poder sobre as condições, neste caso sobre nossa competência e atitude.

Outra preocupação é sobre as possibilidades na vida. Os jovens, por exemplo, na hora de escolher uma carreira, uma profissão se questionam se as coisas vão dar certo, mas, possibilidade é causa e não temos poder sobre a causa, porém temos total poder sobre nossa autoestima, que é condição. Ai você pode pensar: “Mas o que autoestima tem a ver com as possibilidades?” Tem absolutamente tudo a ver porque, como disse o Dr. Maxwell Maltz: “Nós nunca vamos além do que acreditamos que podemos”. Cuide de você, aprenda a gostar de você, saiba quem você é, como você funciona… enfim, respeite-se e você vai ficar espantado consigo mesmo. Esta consciência de si mesmo vai gerar autoestima, autoimagem positiva, autoconfiança para você ter coragem de brilhar.

Os Hindus dizem: “Quando o discípulo está pronto o mestre aparece”. Repare que esta frase é igual a do Einstein, só mudam as palavras. O que é: “Estar pronto?” – É criar as condições. O que é “O mestre aparece?” – a causa é do cosmos.

A teologia diz: “Quando o homem tem fé, Deus lhe dá a graça”. Esta frase também é idêntica a do Einstein. Fé significa criar as condições e, graça, significa a causa é do cosmos.

Madre Tereza de Calcutá disse: “Dê o melhor de você e o melhor virá”. Esta frase também diz a mesma coisa das anteriores. Dar o melhor é ter fé, é criar as condições, é estar pronto. O Melhor virá é: A causa é do cosmos, o mestre aparece, Deus lhe dá a graça.

Repare que todas as frases dizem a mesma coisa. Primeiro faça depois receba. Primeiro plante depois colha… e isso se chama fé.

 

Se você achou interessante este ponto de vista, todo este conceito está em nosso CD Ponto de Virada, mais precisamente nas músicas: Fé no Futuro e Autoestima, disponível gratuitamente em todas as plataformas digitais.

 

Por Alexandre Bernardo

Palestra de vendas – Palestra de motivação – Músicas Motivacionais